Category Archives: Orações

A comunhão espiritual

Papa Francisco: A todos aqueles que estão longe e acompanham a Missa por televisões, convido a fazer a comunhão espiritual.

Aos vossos pés, ó meu Jesus, me prostro e vos ofereço o arrependimento do meu coração contrito que mergulha no vosso e na Vossa santa presença.

Eu vos adoro no Sacramento do vosso amor, desejo receber-vos na pobre morada que o meu coração vos oferece.

À espera da felicidade da Comunhão sacramental, quero receber-vos em Espírito.

Vinde a mim, ó meu Jesus, que eu venha a vós.

Que o vosso amor possa inflamar todo o meu ser, para a vida e para a morte.

Creio em vós, espero em vós.

Eu vos amo.

Assim seja


Oração a São José, do papa Francisco

St. Joseph and Son’s Christmas, por Fr Mickey McGrath OSFS (2017)

Protegei, Santo Defensor, este nosso país.

Iluminai os responsáveis pelo bem comum, para que saibam – como vós – cuidar das pessoas confiadas à sua responsabilidade. Concedei a inteligência da ciência àqueles que procuram meios adequados para a saúde e o bem físico dos irmãos.

Sustentai aqueles que se dedicam aos necessitados: os voluntários, os enfermeiros, os médicos, que estão na linha de frente no tratamento dos doentes, mesmo à custa da própria segurança.

Abençoai, São José, a Igreja: a partir dos seus ministros, fazei-a sinal e instrumento da vossa luz e da vossa bondade. Acompanhai, São José, as famílias: com o vosso silêncio orante, construí a harmonia entre os pais e os filhos, de modo particular os mais pequeninos.

Preservai os idosos da solidão: fazei que ninguém seja deixado no desespero do abandono e do desencorajamento. Consolai quem é mais frágil, encorajai quem vacila, intercedei pelos pobres.

Com a Virgem Mãe, suplicai ao Senhor para que liberte o mundo de toda forma de pandemia.


Salvé Rainha

Coroação de Nossa Senhora, por Gentile de Fabriano (1370-1427),

J. P. Getty Museum, Los Angeles, EUA

Texto em latim:

Salve, Regina, mater misericordiae
Vita, dulcedo, et spes nostra, salve.
Ad te clamamus, exsules, filii evae.
Ad te suspiramus, gementes et flentes
in hac lacrimarum valle.

Eia ergo, Advocata nostra,
illos tuos misericordes oculos
ad nos converte.
Et Iesum, benedictum fructum ventris tui,
nobis post hoc exsilium ostende.
O clemens, O pia, O dulcis Virgo Maria.

Ora pro nobis sancta Dei Genetrix.
Ut digni efficiamur promissionibus Christi. Amen.

 

Texto em português:


Salvé Rainha, Mãe de Misericórdia,
Vida, doçura e esperança nossa, salve!
A Vós bradamos, os degredados filhos de Eva.
A Vós suspiramos, gemendo e chorando
neste vale de lágrimas.

Eia, pois, advogada nossa,
Esses Vossos olhos misericordiosos
A nós volvei,
E, depois desse desterro,
Mostrai-nos Jesus, bendito fruto do Vosso Ventre.
Ó Clemente, Ó Piedosa, Ó Doce Sempre Virgem Maria.

Rogai por nós Santa Mãe de Deus,
Para que sejamos dignos das promessas de Cristo. Amém.


Te Deum

Santo Ambrósio de Milão baptiza Santo Agostinho de Hipona – fresco Capela de Santo Agostinho em San Gimignano

«A vós, ó Deus» são as palavras iniciais de um canto, um dos primeiros hinos cristãos de louvor. Composto originalmente em latim, atribuiu-se a sua composição a Santo Ambrósio de Milão, ainda que uma tradição indique que fora composto a quatro mãos, por Santo Agostinho de Hípona e Santo Ambrósio, inspirados pelo Espírito Santo. Quando, no ano de 387, Santo Agostinho recebeu o baptismo das mãos de Santo Ambrósio, este entoou o hino e Agostinho respondeu a seus versos.

TE DEUM

Nós vos louvamos, ó Deus,
nós vos bendizemos, Senhor.
Toda a terra Vos adora,
Pai eterno e omnipotente.

Os Anjos, os Céus e todas as Potestades,
os Querubins e os Serafins Vos Clamam sem cessar:
Santo, Santo, Santo, Senhor Deus do
Universo, o céu e a terra proclamam a vossa glória.

O corro glorioso dos Apóstolos,
a falange venerável dos Profetas,
o exército resplandecente dos Mártires
cantam os vosso louvores.

A santa Igreja anuncia por toda a terra
a glória do vosso nome: Deus de infinita majestade, Pai, Filho e Espírito Santo.
Senhor Jesus Cristo, Rei da Glória,
Filho do Eterno Pai, para salvar
o homem tomaste a condição humana
no seio da Virgem Maria.

Vós despedaçastes as cadeias da morte
e abristes as portas do Céu.
Vós estais sentado à direita de Deus,
na glória do Pai, e de novo haveis de vir
para julgar os vivos e os mortos.

Socorrei os vossos servos, Senhor,
que remistes com o vosso Sangue preciso;
e recebei-os na luz da vossa glória,
na assembleia dos vossos santos.

Salvai o vosso povo, Senhor,
e abençoai a vossa herança;
sede o seu pastor e guia através dos tempos
e conduzi-o às fontes da vida eterna.

Nós vos bendiremos todos os dias
da nossa vida e louvaremos para sempre o vosso nome.
Dignai-vos, Senhor, neste dia, livrar-nos do pecado.
Tende piedade de nós, Senhor,
tende piedade de nós.

Desça sobre nós a vossa misericórdia,
porque em Vós esperamos.
Em vós espero, meu Deus,
não serei confundido eternamente.

Fonte: Bênçãos para a família no Natal e Ano Novo, Pe. Martin Alberto Sepúlveda Mora, SSP


Oração para o Mês Missionário Extraordinário – Outubro/2019

 

 

 

 

ORAÇÃO PARA O MÊS MISSIONÁRIO EXTRAORDINÁRIO
OUTUBRO 2019

Pai Nosso
o teu filho unigénito Jesus Cristo
ressuscitado de entre os mortos
confiou aos seus discípulos:
«ide e fazei discípulos todos os povos.»
Recorda-nos que através do baptismo
nos tornamos participantes da missão da Igreja.

Pelos dons do Espírito Santo, concedei-nos a Graça
de ser testemunhas do Evangelho,
corajosos e vigilantes,
para que a missão confiada à Igreja,
ainda longe de estar realizada,
possa encontrar novas e eficazes expressões
que levem vida e luz ao mundo.

Ajudai-nos, Pai Santo, a fazer que todos os povos
possam encontrar-se com o amor
e a misericórdia de Jesus Cristo,
Ele que é Deus convosco, e vive e reina
na unidade do Espírito Santo,
agora e para sempre.
Ámen.


Oração pelo Capítulo Geral de 2019

O Capítulo Geral dos frades da Ordem dos Pregadores terá início a 9 de Julho e terminará a 4 de Agosto. Vai decorrer em Biên Hòa, Vietname. É a primeira vez na história da Ordem que um Capítulo Geral se realiza num país não-cristão. Trata-se de um Capítulo electivo, sendo no dia 13 de Julho eleito o novo Mestre Geral para um mandato de 9 anos.

Para o bom sucesso do Capítulo Geral, a Ordem sugere a seguinte oração para ser feita durante todos os dias do Capítulo Geral, ou integrada nalgum ofício da liturgia das horas (laudes, hora intermédia, vésperas, etc, etc) ou antes de alguma refeição/à mesa, ou de forma autónoma.

ORAÇÃO PELO CAPÍTULO GERAL

Por intercessão da Bem-Aventurada Virgem Maria, Padroeira da Ordem, Cristo Senhor tenha piedade de nós e conceda aos nossos irmãos capitulares a graça de servir a Ordem, Ele que na sua bondade amou a todos os homens.
V/ Bendigamos ao Senhor.
R/ Demos graças a Deus.


Oração pela Europa